Prefeitura Paulínia Prefeitura de Paulínia
Paço Municipal
  Paço Municipal  

  

Notícias

  




Reivindicação antiga

 03/12/2018  - Obras de saneamento básico têm início no Parque da Represa

Prefeito Du Cazellato reuniu-se com representantes da Sabesp na quinta-feira


Reivindicação antiga



Uma reunião entre o prefeito Du Cazellato e representantes da Companhia de Saneamento do Estado de São Paulo (Sabesp) selou, definitivamente, a parceria para o início das obras que irão solucionar o problema que se arrasta há décadas na região do Parque da Represa. Serão aproximadamente 1.100 ligações no sistema de esgoto, que corresponde a 5.500 usuários favorecidos, além de melhorias que abrangerão também o meio ambiente. Nesta segunda-feira, 03 de dezembro, o prefeito aproveitou para visitar o local da obra e acompanhar o recebimento das tubulações para o início imediato dos trabalhos.

Todo cronograma de trabalho e responsabilidade de cada parte foi estabelecido em conversa no gabinete do prefeito realizada na quinta-feira, 29 de novembro. Participaram o secretário de Saneamento e Recursos Hídricos, Ricardo Daruiz Borsari, do Superintendente Antonio Carlos Teixeira, do diretor João Cesar Queiroz Prado, os gerentes Marco Antonio Pires Ward, do setor Paulínia, Vanessa Egídio Pereira, de Hortolândia, e dos secretários Jorge Israel (Meio Ambiente), Marcelo Mello (Obras) Sergio Zanovelo (Planejamento) e Leonardo Ballone (Chefe de Gabinete).

O prefeito Cazellato avalia esse momento como um grande passo para atingir o objetivo de ter 100% de esgoto tratado no município. “Essa obra é extremamente necessária, segue determinações da política de Saneamento Básico e vai viabilizar a construção de Estações Elevatórias de Esgotos (EEEs)”, explica.

Para o secretário da Seddema, Jorge Israel, essa obra irá eliminar um problema antigo para a população do Parque da Represa, que sofria com a falta de Estações Elevatórias e com o esgoto que retornava para suas casas. Após essa etapa, o objetivo é equipar os bairros que ainda estão sem o tratamento adequado e, finalmente, atingir 100% de saneamento básico no município.



Destaques